Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Gato Pardo

Para quem conhece, vocês estão mais que vacinados. Vocês não conhecem isto? São maiores de idade? Trazem o vosso cartão de cidadão, boletim de vacinas e resgisto criminal? Não? Fantástico!!!

Gato Pardo

Para quem conhece, vocês estão mais que vacinados. Vocês não conhecem isto? São maiores de idade? Trazem o vosso cartão de cidadão, boletim de vacinas e resgisto criminal? Não? Fantástico!!!

Gosto de enfermeiras. Odeio hospitais. E curto à brava a morfina deles.

29.07.15publicado por Gato Pardo

Diz-se que nunca devemos recear ir a  locais onde já fomos felizes. No entanto, devia-se dizer também que é uma enormíssima porra sermos "obrigados" a pisar pé em locais que nos trazem tudo menos boas recordações à memória.

Das sete vidas felinas com que fui abençoado, posso dizer que já queimei uma série delas. O que traduzido para português corrente significa que por alguma razão que desconheço, tenho um anjo da guarda que me grama por demais. Ou então, o Diabo assinou um acordo de extradição da minha alma para o Céu mas os gajos não me querem lá nem de borla por isso, fazem os possíveis e os impossíveis para me manterem cá por baixo.

Julgava que não existia sensação pior na vida de um gajo do que acordar rodeado de enfermeiras (se eu terminasse a frase aqui, estava tudo bem) e médicos (pronto, já lixou tudo) a fazerem todo o tipo de perguntas e ganharmos noção que estamos todos entubados, rodeados de sacos de soro, máscaras de oxigénio e quantidades absurdas de analgésicos capazes de meter um cavalo a hibernar durante seis meses. Julguei mal.

Percorrer os mesmos corredores desse hospital revelou-se uma experiência perturbadora. Não devia ser assim, porque mais que tudo, estou grato a eles. Ainda cá estou. Ainda respiro. Não tive sequelas. E enquanto alguns têm near death experiences, eu tive uma near Jorge Palma experience (tal a quantidade de drogas que me enfiaram no bucho).

A vida por vezes obriga-nos a reviver aquilo que nos esforçamos tanto por não nos lembrar.

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.